Metamorfose


Mudei de pele. Sou um novo tipo de ser.
Nada é igual ao dia de ontem.
As cores, os sons, a luz, os movimentos, existem de outra forma, agora.
Não penso, só sinto.
Movo-me ao sabor dos risos, e não ouço mais nada no fernesim que são os corredores a esta hora.
Agora, cada palavra é melodia, e um movimento é luz,
mais nada.
Estou onde quero estar. Este, agora, é o meu sitio especial.
Hoje acordei, e estava diferente.

Modulo 1 - Têxteis